SEI TÃO POUCO ACERCA DE QUEM CÁ PASSA... DEIXEM-ME LÁ UMA DICA ;)

As Receitas da Tia Gio

Comer bem é um dos prazeres que eu não dispenso por nada deste mundo... Vou tentar ensinar-vos o pouco que sei e conto aprender imenso com vocês...

28 abril 2007

Bolo de leite enqueijado






Excelente receita que retirei do Blog da Mónica - Diário de Cozinha fez sensação junto de toda a familia....

Ingredientes:

500 g açúcar
300 g farinha
50 g manteiga
6 ovos
1 l de leite
1 casca de limão

Preparação:

Mistura-se o açúcar com a farinha, junta-se os ovos e a manteiga derretida.
Mexe-se tudo muito bem, ferve-se o leite com o limão e junta-se à massa.
Coze durante 1h a 1h30m.
Desenforma-se frio.

Nota: a massa fica muito liquida mas é mesmo assim. Este bolo fica com a consistência das queijadas.

23 abril 2007

Bolo de Côco e Natas


Ingredientes:

2 pacotes de natas
2 chávenas de farinha
2 chávenas de açúcar
1 chávena de côco
6 ovos
1 colher de fermento

Preparação:

Juntam-se todos os ingredientes com excepção das claras que têm de ser batidas em castelo e só se juntam no fim. Unta-se uma forma com margarina e farinha e leva-se ao forno médio por cerca de 45 minutos.

10 abril 2007

Bifes com molho de pimenta





Ingredientes:

Bifes cortados tipo strogonoff
Pimenta branca, preta, verde e vermelha em grão
que se juntam e moem na altura
Becel culinária
Sal marinho
1 cálice de conhaque ou whisky
1 pacote de natas de Soja
1 colher de mostarda

Preparação:


Temperar os bifes com pimenta e sal moídos. Numa frigideira fritam-se os bifes cerca de 3 min. de cada lado. Retirar os bifes e juntar à margarina o conhaque a que se pega fogo. À parte juntar as natas com uma colher de sopa de mostarda. Depois do lume se apagar, juntar as natas, mexer muito bem e por novamente os bifes na frigideira para acabarem de fazer.

Sobremesa de Chocolate





Este saiu meio inventado, usei o que tinha em casa e baseei-me numa receita que costumo fazer....

Ingredientes:

1 pacote de bolacha Maria
125 gr. de Becel Culinária

2 tabletes de chocolate Culinária
1 lata de leite condensado
4 folhas de gelatina
1 pacote de natas


Preparação:

Comecei por fazer uma base, picando a bolacha na 1,2,3 e misturá-la com a manteiga derretida. Pus no fundo da tarteira e levei-a um bocadito ao congelador enquanto preparava o resto.

Depois pus as gelatinas de molho, abri a lata de leite condensado e pus num recipiente junto com o chocolate partido em bocadinhos e levei ao micro ondas (pode também ser em banho Maria) e deixei aquecer bem o leite e o chocolate começar a derreter. Com uma colher de Pau misturei muito bem, a seguir juntei-lhe as gelatinas e levei mais um bocadinho ao micro ondas... seguidamente mexi tudo até ficar um creme homogeneo... deixei arrefecer e juntei-lhe as natas, envolvi muito bem e deitei na tarteira.

Ficou no congelador durante cerca de 3 horas.

07 abril 2007

Lulas recheadas


Ingredientes:

Recheio:

1,5 kg lulas pequenas
vinho branco
4 alhos
1 cebola grande
1 colher de azeite
1 colher de manteiga
salsa
50 gr presunto
1 gema
sal
pimenta preta
noz moscada
1 carcaça


Molho:

3 tomates grandes
2 cebolas
4 alhos
1 colher de azeite
1 colher de sopa de farinha
1/2 copo pequeno de azeite
leite q.b.


Preparação:

Limpar as lulas, cortar as aletas e os tentáculos em pedaços pequenos, deixando os sacos inteiros.

Pica-se uma cebola com o alho finamente e leva-se ao lume com o azeite e a manteiga. Mexe-se e quando começar a fritar juntam-se os bocados das lulas, a salsa e o presunto muito picadinho e refoga-se tudo, deitando lentamente gotas de vinho para que não escureçam.

apaga-se o lume e junta-se a gema previamente batida e misturada com o miolo da carcaça. Tempera-se com pimenta, sal e nos moscada e enchem-se os sacos.

***

Cortam-se as restantes cebolas, os alhos, os tomates em pedaços e pôem-se num tacho com uma colher de azeite, tapando-se e deixando cozer em lume brando até se desfazerem.

Passa-se com a varinha mágica, tempera-se com sal e liga-se com a farinha desfeita no azeite. Leva-se ao lume mexendo-se e juntando lentamente leite quente até fazer um molho em quantidade suficiente para cozer as lulas.

Por fim metem-se os sacos fechados com palitos no tacho, tendo o cuidado de não os sobrepor e deixa-se fervilhar lentamente. O molho deve ficar apurado e cremoso... se for necessário passa-se de novo a varinha.


05 abril 2007

Semana da Páscoa





Até à próxima quinta feira Santa, este cantinho fica exclusivamente a debitar receitas e sugestões de pratos típicos da ocasião compostos sempre por um prato e uma sobremesa ou Doce também caracteristico da Pascoa. Beijinhos e Boas Experiências Culinárias...

Folar Salgado ou Bola de Carnes




Ingredientes:


100 gr Farinha s/ fermento
25 gr Fermento de padeiro
60 gr Água


500 gr Farinha s\ fermento
50 gr Margarina
4 Ovos
10 gr Sal
20 gr Açúcar
2 dl + ou - Água


100 gr Bacon
100 gr Presunto
100 gr Fiambre
150 gr Frango ou carne (desfiados)

Preparação :

1º Dissolva o fermento na agua e amasse com a farinha, forme uma bola e deixe levedar.

2º Amasse todos os ingredientes juntos, quando estiverem todos bem envolvidos junte a parte 1º e amasse (+-20 minutos) até a massa ter uma boa elasticidade e deixe levedar 1 hora.

Dividir a massa em três partes, esticar uma das partes e forrar o fundo de um tabuleiro untado com 20x10cm, dispor uma camada das carnes, esticar outra parte da massa e cobrir as carnes, dispor a restantes carnes e cobrir com a outra parte da massa, pintar com ovo batido e picar com um garfo deixar levedar 15 minutos.

Coser em forno médio +-180º cerca de 45 minutos.

(Se a carne ou frango tiverem molho junte um pouco nas carnes ao dispô-las, fica mais suculento)

Pão-de-Ló de Ovar

A pedido da minha maninha... pedido não... ordem.... cá fica a receita do famoso Pão-de-Ló de Ovar.




Ingredientes:

18 gemas
5 claras
250 g de açúcar
125 g de farinha

Confecção:

Batem-se as gemas com as claras e o açúcar, até se obter um preparado muito espesso e cujo volume seja largamente superior ao inicial dos ovos e açúcar. Adiciona-se a farinha que foi peneirada pelo menos duas vezes, batendo suavemente.

Tem-se uma forma redonda com cerca de 22 cm e forra-se com papel espesso. Tradicionalmente, o papel deve ter apenas uma circunferência que cubra o fundo da forma com uma rodela e os lados com uma tira (de papel vegetal).

Deita-se a massa sobre o papel e leva-se o pão-de-ló a cozer em forno aquecido a 175ºC (forno médio baixo) durante 40 minutos.

A superfície do bolo deve ficar húmida e, no dia seguinte, apresentar como que uma camada de ovos moles.

04 abril 2007

Ovos de chocolate






Ingredientes:

· 500 gr. de chocolate para Culinária
. 1 forma de ovo de páscoa para 500 gr.
. 1 pirex e uma panela para banho maria


Para decorar:

Papel de aluminio
Papel celofane
Crepom
Fitas e flores artificiais


Preparação:

Pique o Chocolate e divida em três partes, deixando uma delas picada em pedaços mais finos.
Leve a panela com água fria ao fogo e coloque dentro o pirex. Quando a água estiver quente (não deixe ferver), desligue o fogo e coloque as duas partes de chocolate picado em pedaços mais grossos.
Mexa bem e retire do banho-maria, juntando o chocolate picado em pedaços fino. Mexa até que o chocolate fique dissolvido e bem fino.
Quando estiver na temperatura desejada, despeje na forma e com ajuda de um pincel, vá enchendo até a metade. Vá tombando a forma para que o chocolate preencha totalmente a forma.
Leve ao frigorífico por alguns minutos, retire e tombe novamente, espalhando bem o Chocolate para por toda a forma. Repita a operação por duas vezes.
Se estiver na espessura desejada, deixe a forma no frigorífico até que fique branca por fora. Vire com cuidado sobre uma superfície lisa, para que o ovo se solte.
Embrulhe em seguida, ou, se preferir, deixe secar até o dia seguinte. Faça a outra parte do ovo do mesmo modo.
Depois que o ovo estiver bem seco e já embrulhado em papel alumínio, passe o papel crepom, celofane ou tule, deixando uma sobra no alto.
Faça um bonito laço e com algumas flores artificiais.


NOTA: Se o tempo estiver frio, não é necessário levar o ovo ao frigorífico, pois ele endurece rapidamente..

03 abril 2007

Polvo à Americana





Ingredientes:

· 1,200 kg de polvo
· 3 colheres de sopa de azeite
· 4 colheres de sopa de aguardente
· 1 colher de sopa de farinha
· 2 cebolas
· 6 colheres de sopa de polpa de tomate
· 2 dentes de alho
. 3 dl de vinho branco
. 3 colheres de sopa de natas
· Sal e Pimenta q.b.


Preparação:

Prepare o polvo e coza-o. Escorra o polvo e corte-o em bocados. Aloure os bocados de polvo numa colher de sopa de azeite bem quente.

Escorra o líquido que o polvo largou e regue-o com a aguardente. Puxe fogo e agite a frigideira para deixar a aguardente arder.

Polvilhe com farinha e envolva bem.

À parte pique as cebolas e aloure-as numa caçarola com o restante azeite. Adicione o líquido que o polvo largou, a polpa de tomate, os dentes de alho picados e o vinho branco. Tempere com sal, pimenta e pimenta-de-caiena.

Introduza o polvo na caçarola e deixe cozer no molho sobre lume brando, durante cerca de 1 hora e meia. Rectifique os temperos e adicione por fim as natas.

Sirva o polvo num prato fundo, polvilhado com salsa picada. Acompanha com arroz.

02 abril 2007

Cabrito de Leite no Forno


Ingredientes (para cerca de 8/10 pessoas):

· 1 Cabrito de Leite com cerca de 5 kg
· 200 gr. Massa Pimentão
· 2 Cebolas médias
· 2 Cenouras
· 2 l Vinho branco
· 5 dentes de alho
· 1 Alho francês
· Sal e Pimenta q.b.


Preparação:

Limpe o cabrito, tirando-lhe as vísceras e corte-o da seguinte forma:

* as pernas devem ser individualizadas. Faça vários golpes nas mesmas, colocando um dente de alho em cada golpe.
* de seguida separe as costelas.

Prepare a marinada, cortando todos os legumes em pedaços, deitando-os num recipiente tipo bacia. Adicione a massa pimentão o vinho branco e a salsa. Mergulhe o cabrito nesta marinada (este deve ficar completamente coberto de vinho branco). Deixe a marinar durante pelo menos 12 horas.
Passado este tempo, retire o cabrito e coloque-o num tabuleiro, juntamente com a marinada, levando-o ao forno durante 1 hora a 220 graus.

Depois de assado, corte o cabrito em pedaços, dispondo-o numa travessa.
Quanto à marinada, passe-a por um passador, para se aproveitar o caldo e regue o cabrito.
Acompanha com migas tostadas e grelos salteados em azeite e alho.


Migas:

· 5 Batatas grandes
· 1 dl Azeite
· 5 Ovos
· 3 dentes Alho
· Salsa picada
· Pimentão doce q.b.
· Sal e Pimenta


Depois de as lavar, ponha as batatas a cozer com a pele. De seguida tire-lhes a pele e esmague-as com as mãos.
Coloque-as num recipiente juntando os dentes de alho pisados, a salsa, o azeite, o pimentão doce e os ovos. Misture tudo muito bem.
Com a ajuda de 2 colheres de sopa, molde as migas tipo pastel de bacalhau. Leve ao forno a tostar.
Retire as migas e coloque-as numa travessa, juntando-lhe os grelos salteados.

Bolos de Páscoa ou Bolos de Azeite







Ingredientes:

· 1 kg de farinha
· 40 g de fermento de padeiro
· 1 colher de sopa de sal
· 10 a 12 ovos
· 2,5 dl de azeite
· 1 cálice de aguardente


Preparação:

Dissolve-se o fermento num pouco de água tépida (1 chávena) Peneira-se a farinha com sal para um alguidar e faz-se uma cova no meio onde se deita o fermento. Mexendo em círculo, mistura-se o fermento com alguma farinha. Começam então a juntar-se os ovos, amassando. Ao décimo ovo, junta-se o azeite morno e a aguardente. Os restantes ovos só se adicionam se a massa os absorver.

Considera-se que a massa está bem amassada quando se desprender do alguidar, não se agarrar às mãos e apresentar pequenas bolhas. Não deve ficar dura. Polvilha-se com um pouco de farinha, protege-se com um pano e põe-se a levedar em local temperado.

Quando a massa tiver dobrado de volume, divide-se em porções. Estas quantidades dão geralmente dois bolos, que podem ser moldados em dois formatos: passam-se as mãos por azeite, moldam-se em bola e colocam-se em tabuleiros ligeiramente untados. Depois, sempre com as mãos untadas, com os dedos puxa-se a massa no cimo da bola de massa. Esta é a maneira de tender em Fornos de Algodres.

O outro modo consiste em achatar a bola de massa dando-lhe uma forma oval, dobrando-a ao meio, sem unir as beiras, deixando uma margem. Fica assim em forma de meia-lua.

Nota: A massa deve ficar bem amarela, efeito conseguido pela grande quantidade de ovos usada. A imprecisão da quantidade deve-se ao facto de no passado apenas serem usados ovos caseiros, de calibragem irregular. Nós usamos ovos médios que têm entre 63 e 73 g. Há ainda a considerar o poder de absorção de líquidos pela farinha.

Esta bola, obrigatória na Beira Alta durante a época da Páscoa, é deliciosa a acompanhar queijo da Serra.